Como funciona a aposentadoria do aeronauta?

aposentadoria do aeronauta

A aposentadoria do aeronauta é bem diferente das demais, pois aqui existem dois entendimentos: aquele que o INSS adota como aposentadoria do aeronauta e aquele que os Tribunais adotam como aposentadoria especial. Atualmente a modalidade de aposentadoria do aeronauta não mais existe, sendo aplicada tão somente a trabalhadores até 12/1998. Fique ligado, pois, não raro, […]

Continuar lendo


STJ confirma profissão dos vigilantes como especial

Foi julgado no STJ um Recurso Especial muito importante para classe trabalhadora dos Vigilantes. Antes desse julgamento, que ocorreu nesta segunda-feira 11/12/2017, os vigilantes eram obrigados a comprovar que portavam arma de fogo enquanto estavam exercendo suas funções. Isto trazia uma série de restrições para algumas funções que os Vigilantes exerciam, afinal, essa função geralmente […]

Continuar lendo


Como funciona a Aposentadoria do Porteiro?

aposentadoria-do-porteiro

A profissão do porteiro não é muito comentada no mundo das aposentadorias como diferenciada, mas atualmente o entendimento dos tribunais vem mudando, caracterizando esta profissão como especial sim. Quais os perigos a saúde está exposto esta profissão? A própria função do porteiro já é considerada perigosa, justamente pelo fato de ele ser a pessoa responsável pela entrada […]

Continuar lendo


Como funciona a Aposentadoria do Marceneiro?

aposentadoria marceneiro

O marceneiro está exposto em todo a sua vida laboral a agentes nocivos, sem contar na periculosidade de exercer esta função, pois qualquer distração pode causar danos irreparáveis. Quais agentes nocivos está exposto o marceneiro? Os dois principais agentes nocivos são o ruído e o pó. Estes agentes estão presentes quase que na integralidade das jornadas de […]

Continuar lendo


Como funciona a Aposentadoria do Dentista?

aposentadoria dentista

O dentista é o profissional que está constantemente expostos a agentes nocivos, por isto esta profissão é classificada como especial quando for requerido a aposentadoria. O grande problema é: o INSS não considera o dentista como uma atividade profissional especial, pelo fato de que esta profissão geralmente é praticada por contribuintes individuais. Única forma de conseguir […]

Continuar lendo